Como tocar em meus livros e sair com todos os dedos

Não sou uma pessoa difícil de conviver. 

Sou minimamente organizada, daquelas que não saem do quarto sem arrumar a cama, mas sem ficar alinhando simetricamente os talheres na mesa. Estou de bom humor na maior parte do tempo que não estou de TPM. Limpo minha própria sujeira, sou cheirosa e não deixo minhas roupas largadas. Por outro lado, procuro não invadir o espaço alheio, faço o possível para respeitar diferenças de hábitos e comportamentos e sou sociável.

A única regra que imponho para convivência mútua é: não toque nos meus livros sem minha supervisão.

Livro para mim é sagrado, seja ele a bíblia ou não.

Alguém pode levantar a mão e dizer que meus livros não estão tão conservados assim, ao que lhe respondo “foda-se”. São meus e eu estraguei a capa, eu deixei a lombada marcar, eu fiz orelha em 4 páginas mesmo! Mas se você fizer isso, arranco seus dedos com uma colher.

Cada vez que alguém me pede um livro emprestado, meu coração aperta. Não de medo do livro voltar estragado. Mas de preguiça de ter que responder o “Mas por quê???” depois que eu disser “Não”. Inclusive, se eu já te ofereci um livro emprestado, não acredite. Eu estava blefando.

Eu não empresto livros. Nem devolvo. Tenho uma prateleira de provas.

E se você quiser despertar os meus instintos mais sádicos, leia o livro que eu comprei antes de mim.

Sério. Não toque em hipótese alguma no meu livro novo que ainda não foi lido. A minha vontade ao ver os seus dedos sujos profanando aquelas páginas intocadas é de arrancar a sua cabeça a chineladas.

A última vez que isso aconteceu, lembro de ter ficado olhando incrédula para a pessoa que o leu, enquanto ela se achava muito útil em dizer que o livro era realmente bom. Apática, estendi o livro para ela, dizendo: “é seu, pode ficar”. Até hoje ela pensa que eu estava sendo generosa. Mas na verdade retomar aquele volume violado seria abrir mão da minha honra.

Por fim, mas não menos importante, nunca me interrompa durante uma leitura. Eu posso até te responder sorridente e educada, mas por dentro estarei fantasiando formas de tortura e morte lenta.

A situação piora a níveis inimagináveis se você interromper minha leitura se achando muito criativo ao me fazer uma cantada relacionada ao título do livro. Tal impasse pode ter dois desfechos: se estivermos em um local sossegado, minha reação mais provável será dar com o livro na sua cara, seguido do meu desprezo eterno por ter me obrigado a estragá-lo de maneira tão medíocre e vil. Mas se estivermos na plataforma do metrô ou na calçada de uma rua movimentada, meu pé pode escorregar à frente do seu, bem na hora que o trem ou um caminhão jamanta estiver chegando.

Na maior parte do tempo sou uma pessoa perfeitamente equilibrada e tranquila. Só não me responsabilizo pelos meus atos caso alguma das regras acima seja quebrada. Caso alguém pretenda arriscar a sorte, acho bom que o seu plano odontológico esteja atualizado e tenha seguro de vida.

Seus familiares irão precisar.

6 pensamentos sobre “Como tocar em meus livros e sair com todos os dedos

  1. Quase não comento em blog nenhum por que por incrivel que pareça fico meio timida achando que meu comentário não vai lá ser grandes coisas.Mas, foi impossivel ler algo que eu amei e me identifiquei tanto e não deixar sequer um comentário elogiando o seu maravilhoso texto. Bom , Parabéns você escreve muito bem e tenha certeza que agora irei dar uma olhada em todo seu blog. Sucesso !

  2. É um comportamento que acontece por aqui quando o assunto é graphic novel. Eu simplesmente não suporto ver as pessoas arreganhando meus exemplares e enfiando os dedões nas páginas coloridas e retirando-os com uma parcela da tinta. Apenas morro.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s