Mais nerd que antes

Cena épica: visualiza a baixinha aqui, atravessando a cidade com duas malas estufadíssimas. E de metrô.

A mochila – com o colchão inflável, bomba (pra encher o colchão. Não para explodir), mais o cobertor – me deixava parecendo uma tartaruguinha, afora a batalha que era atravessar as catracas, com a cavalaria acelerando e bufando atrás.

Aí desce no Jabaquara e procura o ônibus até o Centro de Exposições Imigrantes. Pergunta pro guarda, pergunta pra policial, sobe até a rodoviária e vê um cara com uma camiseta do Atari. Achei.

Na fila pro busão mesmo já fiz amizade com dois caras. E entre caminho, fila pra entrar e fazer as credenciais, já tinha uma turminha. Mas foi na hora do cadastro pra barraca que conheci uma galera não sei da onde e resolvemos fazer vilinha na área do camping.

Só que isso foi depois de tentar ligar pro @mestrezen – que já estava lá dentro – e ficar desesperada com o celular que não completava ligação. Diversas tentativas frustradas e duas horas depois, caiu a ficha que a única coisa que eu não tinha tentado, era ligar e desligar o celular de novo. Aí ele funcionou. #fail

Quando encontro o @mestrezen, o cara vem rindo dizendo que tentou me ligar e discou o número da minha casa por engano. Segundo a Pimenta Mãe “Seu amigo ficou tão sem-graça, que nem conversou comigo direito.”

Aí deixei as coisas na barraca, abri a mochila promocional com pencas de brindes e revistas e finalmente, fomos dar uma volta pra conhecer o evento mais esperado por esta mini-blogueira que vos escreve: a Campus Party.

A semana que se seguiu foi, no mínimo, fantástica. Pelos painéis? Também. Pela net de 10gb? Pode ser. Mas a melhor parte, com certeza, foram os campuseiros. Cara de pau como sou, puxava conversa com qualquer pobre desavisado que ficasse mais de dois minutos parado do meu lado e por qualquer motivo: fosse por afinidade, fosse pelas diferenças, fosse por já conhecer, ou simplesmente para conhecer.

E aí, fui toda pimpona com minha câmera, para fotografar tudo e todos que me aparecessem pela frente. Seis cliques depois, a peçonhenta me deixa na mão. A sorte foi que tinha gente de sobra fotografando e aí tenho muitos registros dos momentos todos.

O que me leva a outra coisa que fez da Campus Party uma ótima experiência: o compartilhamento. Não, não estou falando de softwares e coisas digitais. Estou falando dos seres humanos que estavam lá dentro, mais a fim de ajudar do que de qualquer outra coisa. E o exemplo mais legal, é que eu fui sem computador pra lá. Legal, né? Doidinha. Mas aí, conheci a @MarianaBonfim. E então, quando o @mestrezen tava usando o note dele, eu usava o dela. E como compartilhamento é mútuo, trocamos de crachá várias vezes pra ela tomar banhinho e repor as energias gastas, na minha barraca. (Cabe aqui uma menção honrosa à Tutti, que salvou minha vida ao me emprestar uma lixa de unha. Valeu, flor!)

Mas o melhor sempre era de madrugada, com a volta olímpica das cadeiras, o lual e o pac man em realidade aumentada, coisas que só quem estava acampado via. Incrível o que um bando de nerds é capaz de fazer, quando está insone e com Red Bull saindo pelas orelhas.

Foto by @alexandre_ojapa

Bom, daí que fazendo as contas e somando os gostos, as fofocas (essa eu só conto por MSN kkkk), as pessoas, os banheiros surpreendentemente cheirosos em todas as vezes que precisei ir, o que praticamente anula os “ôÔôÔôÔ”, a alimentação falha e a segurança desorganizada (mas não insegura), o saldo é positivo elevado à décima potência.

E depois de fazer inveja para todos os tuiteiros que me seguem, não foram e já garantiram que irão ano que vem, é claro que estarei lá em 2011 novamente, pra aproveitar enquanto o mundo não acaba.

Vejam imagens da Campus Party 2010 em:

http://www.flickr.com/photos/japices2007

http://campus-babes.com/

http://www.flickr.com/photos/mestrezen

http://www.zueimuito.com/

http://twitpic.com/photos/marianabonfim

http://cadusimoes.com/

16 pensamentos sobre “Mais nerd que antes

  1. Oi, Dekaaa!

    Adorei conhecer vc na CP! Vc é uma graça!
    Foi uma das duas meninas que conheci lá ahuahuahuaha Falta de mulher é foda..!
    Pena que mesmo sendo vizinhas acabamos por nos ver pouco, né? Evento gigante e entupido de coisas pra ver/fazer, acaba dando nisso heheheh
    Com certeza a gente se encontra lá ano que vem, ok??

    Beijos beijos!

    • Claro, Tutti!

      Putz, muito obrigada por comentar aqui!!! Também adorei te conhecer.

      Mas garanto que se vc tivesse ido pra área de blogs, tinha conhecido muito mais mulheres huahuahuahuhau.

      Volte mais vezes. E estaremos lá ano que vem novamente, com certeza!

  2. Dekaa!

    rsrs! Ja que a Tutti contou só 2 mulheres, vc foi a unica que conheci por lá! hehe! pq ela eu já conhecia!
    Pena que nossos eventos nao eram juntos.. e que aquele evento todo é muito grande! nem deu pra conversarmos direito..
    só soube onde vc estava quando passei na frente da sua barraca e ouvi vc roncando lá dentro! hehe (brincadeira! =P)
    Ma sé isso ai… a campus party serve tb pra criar amigos e a internet ajuda a mente-los..

    espero ve-la novamente!
    assinei seu feed! agora vou acompanhar seu blog de perto! rsr

    Beijos
    Vinicius (seu vizinho de barraca)

  3. Uau! Que aventura ein?! Infelizmente não pude ir, mas fiquei morrendo de vontade. Acho que como muitos que não foram esse ano, eu vou dar um jeito de ir no ano que vem! Curti as fotos, e só fiquei com mais vontade de conhecer a #CParty. Então acho melhor começar a juntar a grana a partir de agora né?

  4. Falae ô quase anã! Espero que você tenha sido um pouco menos agressiva e simpática com as outras pessoas que você conheceu lá na #cparty.

    Quer dizer que gostou de ficar no meio Nerd então… sério que vou ter que aturar você em 2011 também é… cada uma viu..

    Mas você é um barato simmmmm rsrsrs bjão e aquela foto da careta esclaresce muita coisa mesmo…hauhauah

    (ah… sem ameaças com algumas piadas ok…)😛

  5. Lendo esse seu texto me perguntei pela milésima vez desde que a cparty começou: “por que mulesta dos cachorro eu não fui?!”

    Obrigado Deka, por me fazer saborear daqui da minha distância um pouquinho do que eu poderia ter vivido, e pretendo viver em 2011.

  6. Com certeza, grande parte da diversão foi ter você lá ao nosso lado. E eu ouço muitos comentários extremamente invejosos a respeito da nossa farra (não sobre nós especificamente, sobre o evento). Isso também pode ser termômetro do sucesso e da diversão que tivemos. Só sei que serei sempre grato por você ter estado do nosso lado. =]

    ôÔôÔôÔôÔôÔôÔôÔôÔôÔ

    PS: Ela é ligeiramente mais linda que na foto… por dentro ahuahuah

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s